Dia em que todo mundo quer voltar a ser criança

Foto: Divulgação

O dia das crianças é a segunda data mais importante para o comércio nacional, perdendo somente para o Natal. Tão conhecido e tão celebrado, virou uma tradição nas famílias brasileiras, e alguns ‘crescidinhos’ querem voltar a ser criança nessa dia para serem presenteados também. “Sou a mais nova entre as minhas duas irmãs, então eu me justifico dizendo que sempre vou ser a criança, e os meus pais me dão (o presente). Apesar de não conseguir sempre com facilidade”, ri ao contar, a estudante de 21 anos, Jéssica Castro. Nem sempre essa iniciativa parte dos filhos já maiores de idade, mas, sim, de seus pais. “Uma vez, sai com a minha mãe pra comprar presente para os meus irmãos mais novos, e sem pedir nada, acabei ganhando uma boneca da Cinderela, tema da minha festa de um ano de idade”, recorda Nicole Pontes, estudante de 20 anos.

Flávia Queiroz, também de 20 anos, que ainda ganha presentes da sua tia e da sua avó, acredita que deve-se ao fato de ela ser sobrinha e neta única. “Eu sempre ganho ursinhos e bonecas, e guardo usando como decoração no meu quarto. Para elas, eu nunca cresci”, comenta. Tânia Lima, enfermeira de 53 anos, apesar de não morar mais com seus filhos há dez anos, continuou com o costume de presenteá-los. “Sempre fazia isso com um certo humor. Na realidade eu sempre achei que era um gesto de carinho e amor. Queria mostrar que meus filhos são as coisas mais importantes desse mundo e que não esqueço deles, apesar da distância”, explica. “Já coloquei até carrinho dentro de várias caixas até o pacote de presente ficar bem grande, e quando meu filho mais velho ia abrir, passava um tempão desenrolando e achando graça”, relembra.

Além do Dia das Crianças, no dia 12 de outubro, comemoram-se ainda mais duas datas. São elas: Nossa Senhora Aparecida (conhecida como a padroeira oficial do Brasil, onde o feriado nacional deve-se somente a ela), e também o Dia do Descobrimento da América, embora poucos lembrem-se.

De onde surgiu

Aqui no Brasil, o Dia das Crianças, foi inventado na década de 1920 por um político. O deputado federal Galdino do Valle Filho “criou ” esse dia que, depois de aprovado pelos deputados, foi oficializado pelo presidente Arthur Bernardes somente dois anos depois, em 1924. Porém o feriado só passou a ser comemorado em 1960, depois que a empresa de brinquedos Estrela, junto com a empresa Johnson & Johson, fizeram uma promoção para lançar a “Semana do Bebê Robusto”. Com a ideia de aumentar as vendas das duas empresas, a estratégia deu tão certo que outros comerciantes resolveram participar.

Texto: Marina Freire

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s