[Claquete] Quando sentimentos são iguais

Foto: Divulgação

O filme  Busca Implacável 2  começa levantando um questionamento inesperado. Bryan Mills, personagem interpretado por Liam Neeson, no primeiro longa, salvou sua filha Kim (Maggie Grace) dos traficantes sexuais da Tropoja. Para isso, assassinou muitos integrantes dessa máfia. Nessa sequência do filme os pais e irmãos dos mortos estão a procura de vingança. Interessante ver que, mesmo sendo criminosos, o pesar e a dor é a mesma, tanto que para eles não faz diferença, querem causar essa mesma dor em Bryan e, neste filme, todos serão sequestrados.

A famosa frase trailer do primeiro filme, “Vou te perseguir, vou te encontrar e te matar”, dessa vez é proferida Murad Krasniqi (Rade Serbedzita), líder da operação de vingança e ele promete as viúvas feitas por Bryan “Vou procurá-lo, vou trazê-lo para vocês, e derramarei o seu sangue em nossa terra”.

O longa segue no mesmo estilo do primeiro, contendo muitas cenas de perseguições a pé e de carro, lutas incansáveis, e uma boa dose de suspense. Boa parte da trama se desenrola em Istambul, maior cidade da Turquia, conhecida pelas grandes e belas Mesquitas. O roteiro acabou pecando por ser um pouco previsível, mas, satisfaz bastante no seu propósito de entretenimento. O uso de flashbacks (retorno ao passado) é muito bem usado, essa técnica prende a atenção dos cinéfilos em gêneros de ação. As paisagens também merecem destaque, contribuem de forma sútil para transportar o espectador para dentro da telona.Para quem gosta de uma boa ação, é um filme imperdível.

Texto: Bárbara Guerra e Caio Pinheiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s