Crianças exploram novos mundos pela leitura

A caravana desperta o interesse dos pequenos leitores. Foto: Divulgação

Um grupo de artistas, autores locais e contadores de histórias estão levando oficinas de leitura e atividades educativas para crianças de escolas públicas, por meio do projeto “Caravana da Leitura e do autor cearense ” . Os alunos participam de exercícios divertidos, desenham, criam seus próprios livros, e têm um contato direto com os autores, que possibilita um maior entendimento das obras. Logo a procura por livros aumenta, e com mais leitura a escrita da criança também melhora. Toda a programação é gratuita e são distribuídos livros pela escola.

A Caravana da Leitura estará amanhã na escola Laís Sidrim Targino, em Aquiraz. Os próximos locais a receberem o projeto, que já passou por Caucaia e Maracanaú, serão Chorozinho e Fortaleza. Os autores convidados são: Almir Mota, Kelsen Bravos e Rouxinol do Rinaré. Inicialmente, foram selecionadas escolas localizadas nas proximidades de praças públicas, para integrar o aluno ao seu bairro.

As crianças formam fila para autógrafos com o escritor Antonio Filho, na edição passada. Foto: Divulgação

Raimundo Moreira, coordenador da caravana, conta que a proposta se sustenta em dois pilares: incentivo a leitura e valorização do autores. No primeiro, o foco é incentivar a leitura de crianças e pré-adolescentes, que geralmente nessa fase estão criando seu ritmo e o hábito de ler. Isso acontece por meio de rodas de leitura e pela contação de histórias, em que o escritor interage com as crianças de uma maneira divertida e propícia ao aprendizado. No segundo pilar, da valorização do autor local, o projeto divulga o trabalho de escritores e fermenta a literatura do estado.

O autor de livros infantis, e um dos convidados para o projeto, Almir Mota explica as vantagens:  “É bom porque valoriza o trabalho do autor cearense, e dá a oportunidade para as crianças conhecerem uma literatura que antes elas não tinham acesso, mais próximas a sua cidade, a sua realidade.” Ele afirma que as crianças são muito receptivas. “Elas gostam de novidade, conversam, fazem perguntas, gostam de brincar com a imaginação. É uma verdadeira festa”, completa Mota.

A caravana está em sua segunda edição, e graças ao sucesso da primeira, ganhou o patrocínio da Biblioteca Nacional e produção Girândola. Para o próximo ano, o grupo planeja levar o projeto ao interior do estado, e, posteriormente, também para fora do Ceará. O evento é realizado pela Companhia Prisma de Artes, pelo espaço popular de Arte (EPA) e Associação dos Proprietários e Artistas de Circo (APAECE).

Locais e datas da Caravana:
30 de novembro – Escola Laís Sidrim Targino (Aquiraz, Padre Matias, 55)
7 de dezembro – Padre Enemias Freire de Almada (Chorozinho, Praça Dom José de Medeiros Delgado, S/N, Parque São José)
14 de dezembro – Escola Francisco Andrade Teófilo Girão (Fortaleza, Barroso)

Texto: Suélen Ramos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s