[Foca Nessa] Contos de uma outra Copacabana

copacabana-dreams (1)

Contos e microcontos modernos compilados a dissecar uma outra Copacabana – não a princesinha do mar imortalizada na voz de Dick Farney, mas uma Copacabana de face oculta, quase cruel, quase kitsch. Assim se compõe a obra da estreante fortalezense Natércia Pontes, de 23 anos. Um mix de nonsense e clichês manipulados com extrema maestria e moldados em grande profundidade pelo humor agridoce da autora, alternando humor e melancolia, com laivos de desilusão permeando a quase totalidade dos contos.

Em uma narrativa moderna, de cores vibrantes e uma profusão de cheiros, texturas e sensações táteis – um festival sinestésico a deleitar o leitor -, Copacabana surge como cenário de desencantos e delírios de personagens os mais diversos. As temáticas, apesar de algumas reincidências, são bastante variadas: amor romântico em declínio, desilusões, encontros fortuitos, cenas cinematográficas, diálogos improváveis, o exótico repertório de tipos humanos que transitam pelas ruas do bairro.

Natércia Pontes
Natércia Pontes

E em cada drama é possível sentir a presença ubíqua da cidade, ao mesmo tempo onírica e real, como que condicionando de forma quase inescapável as ações e os destinos dos personagens – destinos estes que, paradoxalmente, são muitas vezes deixados inconclusos, abrindo margem para a subjetividade do leitor elaborar sua própria resolução.

Com uma extensa bagagem literária, Natércia escreveu o livro ao longo de três anos (entre 2003 e 2007) vividos no icônico bairro do Rio, enquanto cursava a faculdade de Rádio e TV. Em entrevista à Revista Cult, em fevereiro deste ano, assim explica a escolha do título Copacabana Dreams: “Deixei para escolher por último [o título]. Pensei neste porque cada conto da coletânea é uma espécie de sonho e tem um apelo místico, fantasioso. E é em inglês porque Copacabana é um bairro cosmopolita, famoso em todo mundo. Aqui, fala-se inglês – até mesmo os que não sabem o idioma”.

Com um projeto gráfico arrojado e em fina sintonia com o conteúdo da obra – com folhas cinzentas e alternância de fontes nos títulos dos contos -, Copacabana Dreams traz, em suma, a promessa de uma experiência de leitura intensa e deliciosa.

Ficha Técnica

Título Original: Copacabana Dreams
Autora: Natércia Pontes
Ano: 2012
Editora: Cosac Naify
Páginas: 128

Texto: Lia Martins

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s