A Cardiopatia além da Medicina

Print

O Dia Mundial do Coração, comemorado dia 29 de Setembro, ressalta nesta data do ano a importância da prevenção e do tratamento de doenças do coração. A campanha deste ano realizada pela Sociedade Brasileira de Cardiologia traz como tema a frase “Amor pela vida é… Cuidar do seu coração!” e disponibiliza em seu website uma cartilha informativa, que tem como propósito advertir sobre  os riscos, os modos de prevenção e os tipos de diagnósticos das doenças cardiovasculares.

Ainda com destaque a tais disfunções, a exposição “De Nascença”, inaugurada no dia 23 de setembro, permanece no Hall da Biblioteca da Unifor, de segunda a sexta. De acordo com o idealizador das obras e fundador do Instituto do Coração da Criança e do Adolescente (Incor), o cirurgião cardiovascular pediátrico Valdester Cavalcante Pinto Júnior, a coletânea de fotografias dispostas revela de maneira amena o caminho das crianças com doenças de coração.

FOTO 2 - exposicao na biblio (1)

O projeto foi realizado junto ao anestesiologista Henrique José de Almeida Torres, que acompanha Cavalcante há duas décadas em processos cirúrgicos e, paralelamente à Medicina, atua como fotógrafo. Ambos acolheram a ideia, entretanto decidiram envolver outros profissionais da fotografia que ao contrário deles, não estavam inseridos no âmbito do tratamento da doença.

O convite feito para o fotógrafo português João Luís de Sousa Palmeiro, que se dedica a pesquisas e experimentos de expressão pessoal, resultou em um livro que dá vida à exposição do mesmo nome: De Nascença. A obra reúne fotografias, poemas e textos voltados à cardiopatia congênita, ou seja, doença do coração presente desde o nascimento, prevalente em nove de cada mil crianças nascidas.

Segundo Cavalcante, em sua folha de apresentação no livro, os textos vieram por meio da expressão da alma, que domina e impulsiona a vida pela vida, destacando o desafio em contextualizar as imagens com uma linguagem que se distanciasse do discurso próprio do cotidiano de uma instituição de saúde. O teor crítico da obra denuncia de modo sutil o descaso para com as minorias, vitimadas por falta de políticas públicas efetivas.

Todas as vendas do livro são revertidas para o Incor, referência no diagnóstico e tratamento das cardiopatias congênitas e adquiridas pediátricas para a rede municipal de saúde de Fortaleza e auxilia na assistência de crianças cardiopatas do interior do Estado do Ceará.

Texto: Mayana Fontenele

Serviço

Exposição fotográfica “De Nascença”
Período: 23 de Setembro a 16 de Outubro
Horário: de segunda a sexta, de 7h às 21h; sábado de 7h30 às 16h25
Local: Hall da Biblioteca Unifor
Endereço: Av. Washington Soares, 1321, Edson Queiroz
Mais Informações: (85) 3492-9400

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s