Meio de madeira, muito de verdade

Foto: Lara Albuquerque
Foto: Lara Albuquerque

A história do menino meio boneco, meio de verdade, chega aos palcos do Teatro Celina Queiroz. A conquista do menino de madeira que consegue se transformar em uma criança de carne e osso, é recontada de geração em geração, desde sua primeira edição no livro do italiano Carlo Callodi (em 1883), para o público infantil. O conto de fadas é um retrato dos valores morais que cada ser humano conquista desde muito pequeno, como falar a verdade.

 O espetáculo teatral Pinóquio é uma montagem do grupo Mirante (grupo de teatro da Universidade de Fortaleza), dirigido por Kelva Cristina, e entrou em cartaz no último final de semana (21 e 22). Os outros dias de exibição da peça serão nos dias 28 e 29 de setembro e 5, 6, 12 e 13 de outubro, tendo início às 17 horas. O valor do ingresso custa 20 reais a inteira, e 10 reais a meia.

Foto: Lara Albuquerque
Foto: Lara Albuquerque

O tema abordado pela história tem foco no público infantil, mas a montagem abrange uma visão que conquista todas as idades. “É um espetáculo infantil, mas nós vemos os olhos dos pais brilhando tanto quanto os das crianças enquanto acompanham as aventuras do Pinóquio. A plateia é bem participativa no enredo e, por vezes, os pais se empolgam ao se envolverem com tudo que acontece em cena”, afirma Eurico Mayer, ator que interpreta Pinóquio.

SERVIÇO

Local: Teatro Celina Queiroz

Dias: 28 e 29 de setembro e 5, 6, 12 e 13 de outubro

Horário: 17 horas

Entrada: R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia)

Texto: Beatriz Santos