[Série] O que comer no Ano Novo

Dica de sobremesa: panna cotta brasiliana. Foto: Divulgação.
Dica de sobremesa: panna cotta brasiliana. Foto: Divulgação.

Para quem ainda está em dúvida sobre o que comer na noite de Réveillon, aqui vai a dica: existem diferentes receitas que variam de acordo com o local. Para quem irá passar a virada no litoral, a sugestão é pratos leves, como Bobó de Camarão ou o rápido Salmão com molho de açafrão. Para quem vai permanecer na cidade, a sugestão é um Gazpacho e o tradicional Cuscuz Paulista. Para a ceia campestre, a dica é uma torta de cogumelos. Para a sobremesa, aponta-se opções como a tarte tatin, torta francesa, tiramisu e uma Panna cotta brasiliana, com calda de cupuaçu.

Confira o vídeo de uma dessas receitas:

Texto: Juliana Teófilo

[Série] A origem do Reveillón

reveillon praia grande

Começamos hoje uma série de postagens preparatórias para o Réveillon. Curiosidades sobre festas em vários lugares do mundo; O que servir na ceia e um ensaio fotográfico preparado pelo Foto Nic com dicas sobre o que vestir. A matéria segue também enriquecida de sugestões da consultora Patrícia Porto.

Você sabia?

O Réveillon é uma das festas mais comemoradas em todo o mundo. Tal nome é uma derivação do verbo francês “réveiller”, que significa “despertar”. Mesmo sendo festejado em datas diferentes, o Ano Novo é o principal motivo para as pessoas tomarem para si o sentimento de renovação, na esperança que o ano seguinte seja melhor do que o anterior. Além disso, os fogos de artifícios buzinadas e apitos simbolizam espantar os maus espíritos, e a compra de novas vestimentas para serem usadas na última noite do ano é característica do espírito de renovação para o ano seguinte. No ocidente, a prática de comemorar a festa surgiu por meio de um decreto do governador romano Júlio César, em 46 a.C, no qual estabeleceu o dia 1º de janeiro como o dia do novo ano.

Texto: Priscila Baima