[Mundo Unifor] “Um bom comercial não precisa ser criativo”

Foto: Eduardo Cunha
Foto: Eduardo Cunha

MUNDO UNIFORSob o comando do professor e coordenador do curso de Publicidade e Propaganda Carlos Bittencourt, a oficina de Criação e Desenvolvimento de Roteiro Publicitário integrou a programação do segundo dia do Mundo Unifor. Iniciado às 8h na sala T03, o minicurso ofereceu uma apresentação sobre o passo a passo da produção de um roteiro publicitário e promoveu diversos debates aplicados ao assunto, envolvendo também as áreas de Jornalismo, Audiovisual e Psicologia.

Carlos Bittencourt
Carlos Bittencourt

Baseado em seu pensamento de que “o maior desafio na construção do roteiro é a forma como você vai transmitir sua ideia”, Bittencourt explicou que o início da criação deve basear-se em um conceito a ser definido sobre o produto, que vai determinar o objetivo da marca, o público-alvo e, atrelado às condições financeiras, estabelecer o meio de comunicação utilizado e os recursos disponíveis para a realização do projeto. Assim, o mais importante é a ideia central que sustenta todo o processo de desenvolvimento do roteiro. “Um bom comercial não precisa ser criativo, inédito. Transformar o que parece ser sempre igual em algo melhor é o segredo do sucesso”, disse o coordenador.

Ao enfatizar sobre a importância de compor uma caracterização que represente o produto, o professor disse que “a propaganda não é lugar pra fazer maluquice. O cinema sim, mas a propaganda não. Ela deve ter um sentido pro consumidor. É preciso gerar ideias adequadas”. Foi a partir dessa discussão que se iniciaram debates acerca do lucro como o principal objetivo de uma campanha publicitária, dos aspectos da comunicação atual que influenciam na relação pai e filho e, ainda, da exploração do apelo emocional. “Hoje em dia, um novo tipo de marketing está surgindo: o “Marketing 3.0, que é você inserir um componente social reflexivo à oferta do produto “, citou Bittencourt.

Foto: Eduardo Cunha
Foto: Eduardo Cunha

Ao final, os alunos foram levados ao Estúdio de Televisão para um bate-papo com o coordenador do curso de Jornalismo Wagner Borges. A estudante Sabrina Rolim revelou que quase não conseguiu um vaga na oficina, mas ficou bastante interessada no assunto. “Faço Jornalismo e considero que a Publicidade está muito próxima do conteúdo que estudo em sala, por isso resolvi conhecer um pouco mais sobre o assunto. Os debates e trocas de experiências são extremamente importantes pro nosso crescimento acadêmico e profissional e o Mundo Unifor tem nos proporcionado isso”, contou a aluna.

O minicurso encerrou-se ao meio dia, mas estendeu-se para além da sala de aula quando Bittencourt desafiou os participantes a produzirem seus próprios roteiros a fim de praticar a teoria aprendida.

Texto: Fernanda Gurgel