Televisão por um novo ângulo

564356_538421412876392_689211414_n

Na próxima terça-feira, dia16, se iniciará na Universidade de Fortaleza (Unifor) um novo grupo de estudos que terá como objetivo a discussão a respeito da TV pública, ministrado pelo professor do curso de jornalismo Alberto Perdigão e auxiliado pelo aluno Wagner Mendes. A reunião acontecerá na sala R09, a partir das 11 horas da manhã.

Nesse grupo, os alunos terão a oportunidade de conhecer emissoras de televisão que são voltadas para democracia, cidadania e diversidade. Além disso, eles vão poder tomar conhecimento da programação e descobrir como está sendo utilizado o dinheiro público dentro dessas redes de televisão.

Segundo o estudante de jornalismo, Wagner Mendes, responsável pela monitoria da disciplina de Telejornalismo I e auxiliar do grupo de estudo, a finalidade desse projeto é estimular o interesse dos acadêmicos em compreender a televisão pública, seus impactos e a sua importância para a sociedade.

A televisão pública no Brasil surgiu a partir dos parâmetros educativos, a fim de passar ao telespectador informação e, principalmente, a educação. Porém, esse tipo de informação leva a uma pequena ou mesmo a nenhuma lucratividade para as emissoras comerciais que, consequentemente, não dão prioridade à informação.

Em contrapartida, na Constituição Federal, no Artigo 221, parágrafo I, fala-se que a produção e a programação das emissoras de rádio e televisão devem atender aos seguintes princípios: dar preferência a finalidades educativas, artísticas, culturais e informativas.

Texto: Thaís Barbosa